quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Não sou nada


Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.

                                                 Fernando Pessoa

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Oração

Christina Nguyen


"Senhor, a temperatura baixou. 
Quando atravesso a rua para entrar no calor do automóvel, 
ou sinto a proteção das “estações de metro”, 
dos cafés, do interior dos locais de trabalho,
penso nos que dormem e vivem ao relento.
É verdade que somos todos,
de alguma maneira, gente sem-abrigo.
Que, em certas horas de solidão ou de sofrimento,
trazemos todos a alma
enregelada na imensidão ferida do nosso peito.
Mas quando a temperatura desce,
só me dá para rezar para que o Teu Espírito Santo nos desassossegue,
nos desinstale, nos faça caminhar
ao encontro dos mais pobres."


(P. José Tolentino Mendonça, Um Deus que dança).